20/02/2014 às 14h55

O que há de profundo no imediato

Se observarmos o quanto as áreas de conhecimento ligadas aos ambientes de consumo se proliferaram, chegaremos à conclusão de que somos seduzidos pela simbologia dos objetos.

Gilson Aguiar - contato@gilsonaguiar.com.br
Particularidade

Particularidade

Consumo e aparência
Hoje foi dia de aula. Trabalhar temas como o desenvolvimento da economia capitalista e entender a propagação da rede de produção mundial sem perder de vista os efeitos que estas transformações fazem na vida de cada um. Como estamos ligados a uma rede mundial de produção.

Os efeitos desta cadeia planetária nos afeta diretamente, mas não percebemos. Temos a tendência de considerarmos que estamos nos centro de decisão e identificação dos bens que estão a nossa volta, não estamos. Hoje, a relação estabelecida entre os bens de consumo e nós se dá pela intimidade e particularidade. Se induz ao relacionamento pessoal de produtos que são fruto de uma cadeia mundial de produção.

Estamos na complexa rede planetária, envolvidos por produtos de aparência exclusiva. Este objetos sedutores são resultado de uma rede de produção em massa. A mensagem que os apresenta nas prateleiras de mercado, no mundo ambientado do consumo, nega suas origens. Não podemos esquecer da aparência que engana. 

Se observarmos o quanto as áreas de conhecimento ligadas aos ambientes de consumo se proliferaram, chegaremos à conclusão de que somos seduzidos pela simbologia dos objetos. Os efeitos que esta condição gera é variado. Em alguns casos perverso ou não. Porém, não há como se livrar. Tem que se entender para se convencer de que não somos uma imagem fantasiosa de nós mesmos.

 
 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS