23/09/2013 às 21h35

A civilização julga

O julgamento alheio tem um peso. Sabemos lidar com ele?

Gilson Aguiar - contato@gilsonaguiar.com.br
Julgamento

Julgamento

Julgamento
O julgamento alheio tem um peso. Saberíamos lidar com ele? Talvez mais no passado do que no presente. O alheio nos condena pela incapacidade de se ser tudo o que se quer e perceber no "outro" o que se deseja. Nós também sofremos deste mal.

A crítica tem um peso, ela estabelece o juízo de valor sobre os outros, mas quem se denuncia no julgamento somos nós. Não percebemos que ao elaborarmos critérios de julgamento estamos dizendo muito sobre nós, uma verdadeira confissão.

Quem somos para julgar? Ninguém. Não temos a menor condição de condenar, somos apenas capazes de cobrar responsabilidades desde que as nossas sejam cumpridas. Mesmo diante da condenação fácil temos que recuar para a exigência da consequência do ato. Ainda assim, correr o risco de não ter um comportamento exemplar para isso.

A vida privada ganhou status de tema coletivo. Falar sobre a particularidade de quem tem um sentido social se torno legítimo. Quantas biografias se sustentam em expor a vida privada de um personagem sem considerar sua obra. Nosso olhar pequeno se atém a detalhes ínfimos e se esquece do verdadeiro sentido da vida, o significado social que ela carrega.
 
 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS