A emoção tem sido determinante para o consumo. O preço pago pelo imediatismo de desejar sem planejar é caro. A dúvida é como conter a emoção ambientada do consumo?
A presidente Dilma Rousseff quer instalar um pacto nacional para responder aos interesses dos manifestantes em todo o país. A pergunta é, sabemos que são os obstáculos para que isso ocorra?
Os movimentos nas ruas podem perder força, nada se mantém com tanta intensidade quando está órfão de um projeto político definido. A distância do estado é histórica.
A relação entre o estado e a sociedade brasileira é marcada pelos vícios de autoritarismo e desrespeito. Quem administra o bem público desconsidera o interesse de quem lhe concede o poder.
A responsabilidade sobre nossos atos é a condição de aprendizado para qualquer ser humano. A maioria quer evitar sentir a responsabilidade da própria existência.
Em conversa com o publicitário Felipe Agnello os movimentos sociais que tomam as ruas no Brasil está diretamente relacionada com o potencial de organização nas redes sociais.
Os dois filmes se encontraram no Oscar de 1998. O filme italiano vence como o melhor filme estrangeiro. Considero uma injustiça pela qualidade da obra brasileira e o mau gosto do tema italiano.
Manifestantes paulistas elegem Joaquim Barbosa, o presidente do STF, como seu candidato a presidente. Diante da angústia queremos um "salvador da pátria".
Lendo, Vendo e Ouvindo é o programa de cultura que vai ao ar todas as sextas e sábados. Com Roberta Villibor e Vivian Moreno. Amigas e colegas de docência, com elas o trabalho vira diversão.
Fazer a autocrítica não é uma tarefa fácil. Admitir, diante do espelho, que somos, muitas vezes, tão condenáveis quanto os que condenamos.
Luiz Faria critica o excesso de "ideologismo" na educação brasileira. É preciso ter diagnósticos objetivos sobre o que estamos fazendo dentro da sala de aula.
O Brasil sofre com a dependência de um único modal de transporte. As rodovias apresentam problemas de manutenção e se transformaram em um risco para a maioria dos brasileiros.
O problema do transporte coletivo não se resolve somente com o preço da tarifa, é necessário uma melhora na qualidade dos serviços prestados.
Há má qualidade nos veículos vendidos no Brasil. Versões idênticas a europeias e norte-americanas não tem a mesma estrutura e reprovam em teste.
Apesar do discurso de multiculturalismo, há uma realidade preocupante. O número de jovens negros vítimas de homicídio e indígenas de suicídio.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS